Três coisas que ninguém fala sobre morar no Japão

Morar no Japão pode ser uma experiência incrível, o país tem belezas naturais, o povo japonês é reconhecido mundialmente por sua educação, a gastronomia é patrimônio imaterial da Unesco, e por aí vai.

Porém, tem muita coisa que a gente só percebe se morar no país. Muito disso vem do choque cultural ou de informações ou clichês que podemos ter na cabeça sobre aquele local ou cultura.

1. O Japão não é todo tecnológico

O país teve avanços incríveis na área da tecnologia, o mundo sabe disso. Não é à toa que a maioria das pessoas, quando pensa em avanços tecnológicos, pensa no Japão.

Ao morar no Japão, elas esperam ver tudo high tech e moderno, mas não é bem assim. Sim, existem lojas e opções para encontrar todos aqueles gadgets do sonho, mas as pessoas esquecem que a maioria da população japonesa é idosa.

Então, muitos executivos de empresas mais velhos gostam de fazer tudo da maneira antiga. Nos escritórios é comum ver fax, você ainda lembra dele? Muitas pessoas com menos de 20 anos nunca viram um.

Ele ainda é muito usado por lá. Vai mandar um e-mail? Pode se preparar para salvar o arquivo em anexo no modelo de windows 98, por exemplo. Isso não é regra, mas as possibilidades são grandes e ainda acontece.

Leia também:

2. Só aceita dinheiro

Outra coisa muito importante sobre morar no Japão: lá a maioria dos estabelecimentos e comércios não aceitam cartões de crédito, é tudo na base do dinheiro.

No Brasil, estamos mais do que acostumados em pagar tudo no cartão de crédito. Andar com dinheiro é bem raro.

No Japão, valores menores do que 1,000 ienes são sempre dados em moedas, os caixas eletrônicos ficam indisponíveis depois das 18h00, pois a maioria fica dentro dos bancos.

É bem raro ver um caixa 24 horas, por isso se prepare para sempre ter uma reserva para não passar sufoco e a maioria dos cartões são aceitos apenas em caixas do banco, raramente em máquinas encontradas do lado de fora dos estabelecimentos.

Porém, as konbinis podem salvar a vida, a 7-eleven, por exemplo, costuma ficar aberta 24 horas e lá tem um caixa eletrônico sempre.

3. Alguns hospitais fecham aos finais de semana

O sistema de saúde no Japão é excelente, mas se morar no Japão irá perceber que alguns hospitais fecham aos finais de semana.

O horário de funcionamento também é restrito, geralmente das 09h00 às 18h00. As consultas são feitas pela manhã e se aparecer no hospital muito tarde, corre o risco de não ser atendido, até porque não terá nenhum médico lá.

O que vocês acharam? Já morou no Japão? Compartilhe suas experiências!

morar no Japão
Receba GRÁTIS notícias do Japão
Copy link