Você sabe porque tão poucos japoneses falam inglês? Existem pelo menos 3 motivos

Se você já esteve no Japão, talvez tenha notado que, geralmente, poucos japoneses falam inglês, e às vezes ficam meio confusos quando alguém fala com eles neste idioma.

No entanto, a maioria da população estudou inglês por pelo menos 6 anos na escola. Então por que eles são tão hesitantes em falar nesta língua?

Leia também:

Por que poucos japoneses falam inglês?

Conheça 3 motivos que talvez justifiquem este fato.

1. A forma como o inglês é ensinado na escola

Primeiramente, a hesitação do povo japonês em falar inglês tem origem em como este idioma é ensinado na escola.

Como dissemos, no Japão, os alunos têm, pelo menos, 6 anos de estudo desta disciplina na educação básica.

No entanto, no lugar de focar principalmente na fala e conversação, os professores se concentram na gramática e no vocabulário. Ocorrendo poucas atividades de fala.

É por isso que muitos japoneses conseguem obter uma boa pontuação nos exames de Inglês. No entanto, não se acostumam a usá-lo em uma conversa de verdade.

Além disso, não existem muitos professores nativos da língua inglesa que podem ensinar a pronúncia correta das palavras.

2. A importância das pontuações de teste TOEIC

Outra possível explicação vem do fato de que as empresas gostam de usar as pontuações do teste TOEIC,  em vez dos resultados do exame TOEFL, quando contratam novos funcionários.

O teste TOEIC não é menos útil do que o TOEFL, mas o resultado do TOEIC, geralmente, não indica precisamente a capacidade de falar inglês.

O teste TOEIC tem uma avaliação de audição, uma de leitura e uma de gramática. Já o exame TOEFL também inclui uma avaliação de fala.

Além disso, devido ao fato do exame TOEIC sempre usar um padrão parecido de questionamento, basta praticar os testes TOEIC várias vezes.

Isso leva muitas pessoas, que quase não falam inglês, a serem admitidas nas empresas graças às suas altas pontuações no exame TOEIC.

Eles apenas estudam o inglês para entrar em uma boa empresa, quando na verdade nem o utilizam em suas reais conversas de negócios.

3. Os japoneses tendem a ser tímidos

Outra justificativa para tantos japoneses evitarem uma conversa em inglês decorre da sua timidez.

Muitas pessoas não conseguem falar em outra língua porque são tímidas. Eles têm medo de falar e cometer erros, então preferem manter suas bocas fechadas.

Mas, se eles nunca conseguem praticar o inglês, como poderiam melhorar o nível de sua fala? Isso se torna uma missão quase impossível.

E por falar em personalidade dos japoneses, alguns são tão tímidos que não são bons nem em se comunicar em japonês!

Isso nos leva a concluir que, no Japão, ainda existe um longo caminho a percorrer quando se trata de aprender e utilizar línguas estrangeiras.

A expectativa é a de que o Japão aos poucos se abrirá mais para o resto do mundo, a fim de expandir a distribuição de seus produtos, já que seu próprio mercado está diminuindo com a população.

Você acredita que existem outras explicações para a dificuldade dos japoneses em aprender inglês? Quais são elas? Deixe seu comentário!

Comentários

Receba GRÁTIS notícias do Japão
Copy link