Japão: Aumentam as fortunas das empresas de telecomunicações, videogames e tecnologia

O crescimento econômico no Japão pode estar morno, mas o mercado de ações japonês está mais quente e dinâmico. Isso explica o aumento de 13% no índice Nikkei, até o final de março de 2017.

O resultado são fortunas maiores para quase três quartos daqueles que já estavam na lista da Forbes, das 50 maiores fortunas do ano passado.

Conheça os maiores destaques da lista dos 50 mais ricos do Japão!

50 maiores fortunas do Japão

O grande impulso da economia destes últimos meses surgiu de uma mistura de empresas de telecomunicações, tecnologia e videogames.

No total, as 50 maiores empresas do Japão estão valendo 152 bilhões de dólares, no ano passado este valor era de US$ 137 bilhões.

n.º 1 Masayoshi Son

O gigante das telecomunicações, fundador e CEO da SoftBank Group, Masayoshi Son retornou ao n.° 1 na lista da Forbes. No ano passado, ele ocupava a segunda colocação.

Sua fortuna aumentou de US$ 5,5 bilhões para US$ 20,4 bilhões.

n. º 2 Takemitsu Takizaki

A segunda maior fortuna é de Takemitsu Takizaki. Ele teve um aumento de 51% em seu patrimônio líquido, de US $ 12,5 bilhões.

Sua firma de sensores, localizada em Tóquio, a Keyence, aumentou suas vendas fora do Japão, e agora elas representam 50% das receitas da empresa.

Destaques da lista

Os únicos recém-chegados à lista deste ano é um casal, Yoichi & Keiko Erikawa, que fundou a empresa de videogames Koei (agora chamada de Koei Tecmo Holdings) há quase quatro décadas.

Keiko preside a empresa, e Yoichi é o CEO. As ações da Koei aumentaram 22% no ano passado, à medida que as receitas dos jogos também cresceram. A empresa é conhecida pelos seus jogos Samurai Warriors.

Shigenobu Nagamori está na lista com US$ 800 milhões a mais do que na anterior. Teve um salto de quase 30% graças às ações da Nidec, que faz motores para unidades de disco rígido e unidades óticas.

O presidente do fundador Nagamori pretende quase duplicar a receita para US$ 18 bilhões até 2021, principalmente através de aquisições.

Metodologia

A lista foi montada usando as informações individuais, dados das bolsas de valores e análises de dados privados, de agências governamentais e outras fontes.

Os valores líquidos foram baseados nos preços das ações e taxas de câmbio no fechamento dos mercados em 24 de março de 2017.

Deixe seu comentário!

Fonte: Forbes

Receba GRÁTIS notícias do Japão
Copy link