Japão desenvolve cão-robô que identifica quem está com chulé

Ter chulé é altamente desconfortável, principalmente no Japão, onde os sapatos são removidos várias vezes ao dia na entrada das residências e de alguns estabelecimentos. Por isso, uma empresa japonesa resolveu desenvolver um cão-robô que detecta o nível do cheiro dos pés.

Leia também:

Criação do cão-robô

Os seus pés cheiram mal? Este pequeno cão-robô pode ser adorável, mas não hesitará em lhe dar um veredicto impiedosamente sincero em apenas alguns segundos.

Com sensor de odor embutido no nariz, este animal artificial reage de forma diferente, dependendo do cheiro dos pés. Se o odor for bom, o cão-robô se mostrará contente. O fedor moderado provocará latidos. Já, se o cheiro estiver insuportável, o animal simplesmente desmaiará.

hana-chan

O cão-robô, chamado de “Hana-chan“, com cerca de 15 centímetros de comprimento, foi criado pela National Institute of Technology Kitakyushu College em conjunto com a fabricante Next Technology.

O desenvolvimento deste robô começou em 2015, em resposta a um pedido de um homem que queria saber exatamente o quão ruim era o odor de seus pés. O protótipo original foi lançado nesse mesmo ano com o cão “Shuntaro”.

Aqui está o robô original da Next Technology, de 2015:

Desde então, a empresa refinou o design e criou a versão que será comercializada. Além de detectar o cheiro dos pés, Hana-chan também é capaz de pulverizar desodorante.

Veja “Hana-chan” neste vídeo:

 

A Next Technology planeja começar a vender o robô por um preço aproximado de 100.000 yen.

Fonte: Japan Times, Mashable, Sora News 24
Imagem destacada: AFP/ Next Technology

hana-chan
Receba GRÁTIS notícias do Japão
Copy link