Tenista Naomi Osaka ganha de Serena Williams em partida final polêmica

Naomi Osaka, 20 anos, está ganhando destaque mundial. Tudo por conta de seu jeito forte e humilde, que a está levando a um caminho de sucesso.

Osaka ganhou da australiana Serena Williams , 36 anos, no Grand Slam no Arthur Ashe em final do Us Open 2018. Ela pontuou 6-2 e 6-4, fazendo história no dia 08/09/18.

Ela foi a primeira japonesa a ganhar uma final do Us Open. A atleta nasceu em Osaka no dia 16 de outubro de 1997, com mãe japonesa e pai haitiano, mora nos Estados Unidos. Com 1 metro e 80 cm de altura, ela tem presença marcante nas quadras.

Polêmicas

O segundo set foi emocionante, enquanto Serena tentava manter o ritmo para virar a partida. Seu técnico estava fazendo sinais com as mãos para a atleta e foi considerado uma violação por Carlos Ramos.

Contrariada, Serena afirmou que seu técnico estava fazendo sinais motivadores e nada tinha a ver com trapaças. Por isso, exigiu desculpas.

Disse que em toda a sua carreira jamais tinha trapaceado e preferia perder do que fazer esse tipo de coisa. Porém, os ânimos da atleta ficaram gravamente prejudicados e acabou arremessando sua raquete na quadra. Foi punida, dessa vez no jogo.

Irritada, não se manteve quieta e foi atrás do juíz que aplicou outra penalidade e o chamou de ladrão. Uma discussão calorosa prosseguiu.

Ao final, com o reinício da partida, Serena foi derrotada por Osaka. O clima ruim persistiu e a cerimônia de premiação foi embalada pelo rosto chateado das atletas.

Serena falou ao público e pediu para eles serem positivos e parabenizou Osaka. A japonesa chegou a pedir desculpas ao público e agradeceu a presença de todos.

Naomi Osaka e Serena Williams

Apesar de todo o ocorrido, Serena foi amigável com Osaka e a consolou diante da situação, já que a japonesa chorava na premiação. Afinal, publicamente, já declarou que Williams é uma ídola.

Gostou do artigo? Inscreva-se em nossa Newsletter.

Comentários

Copy link