Denny Tamaki: novo governador de Okinawa promete diminuir abusos de militares americanos

Após o fim da Segunda Guerra Mundial e a derrota do Japão em 1945, os americanos tem presença com suas bases por todo o país, em especial Okinawa.

A vitória na eleição de Denny Tamaki para governador de Okinawa representa o descontento da população com a presença americana na província.

Denny Tamaki

Denny Tamaki

Ele é do Partido Liberal de Ichiro Ozawa. Filho de uma japonesa de Uruma (Okinawa) e um militar americano da marinha, que nunca chegou a conhecer.

O novo governador é a favor da redução da presença militar americana na região e a recolocação das bases em outros países e regiões.

Ao todo 54,000 tropas americanas estão instaladas em bases apenas em Okinawa em mais bases espalhadas pela província.

A justificativa da ocupação é oferecer segurança e paz. Porém, em algumas regiões ocorrem muitos problemas relacionados a violência, estupro e abuso de autoridade.

Os relatos são chocantes e isso está tirando a paz de moradores de Okinawa. Em 1995, três soldados americanos sequestraram e estupraram uma japonesa de 12 anos de idade.

Desde então, um sentimento anti-americano perdura em Okinawa. Em 2016, um militar americano assassinou a facadas uma mulher de 20 anos de idade de Okinawa.

As reclamações vão além e envolvem problemas com barulhos de aeronaves, perigo de acidentes e medo em virarem alvo de ataques.

Keystone of the Pacific

A base da força aérea americana em Okinawa é maior da região Pacífica. Com 11,000 acres separadas em duas áreas. Foi construído em 1945 e tem toda a estrutura para abrigar os americanos e suas famílias, com centros médicos, escolas e creches.

Okinawa - base estados unidos
Base americana em Okinawa

Takeshi Onaga

Takeshi Onaga

Antes de Danny Tamaki, o ex-governador de Okinawa Takeshi Onaga também foi um crítico combativo à permanência das forças armadas estadunidenses na província.

Onaga nasceu em 02 de outubro de 1950 e pertencia ao partido do Primeiro Ministo Shinzo Abe. Ele perdeu a luta contra o câncer e faleceu aos 67 anos no dia 09 de agosto de 2018.

Leia também

Tentativa fracassada de um soldado dos EUA de matar a sede de policiais japoneses derrete corações no Twitter

Histórias emocionantes de soldados japoneses da Segunda Guerra Mundial

Rússia e Japão se aproximam para acabar com conflitos da II Guerra

Embora um político declarado conservador, ele era um caso incomum na política. Antes de falecer, um de seus últimos atos foi uma lei que impedia a relocação de marines em uma base central para áreas costeiras menos habitadas.

Sua luta contra a presença militar estadunidense em solo japonês rendeu estranhamentos entre ele e o Primeiro Ministro.

Afinal, Shinzo Abe vê com bons olhos as bases militares dos Estados Unidos em Okinawa. Além do enorme contingente na província, Onaga trabalhou para proteger as futuras gerações e recuperar a honra perdida da população.

Denny Tamaka promete continuar com seu trabalho e resolver essa questão em Okinawa.

Gostou do artigo? Inscreva-se em nossa Newsletter.

Fontes: The New York Times, ABC News, BBC, Time, Military Bases in Japan.

Denny Tamaki
Receba GRÁTIS notícias do Japão
Copy link