Nihonshu, como tomar saquê: morno, em temperatura ambiente ou frio?

A bebida alcóolica mais famosa do Japão é feita de arroz e água pura (muito importante). Além disso, existem técnicas diferentes para conseguir obter esse líquido.

Envolto em tradição era a bebida de samurais, gonzos, camponeses, agricultores, daimyos, geishas, suseranos, ronins, bandoleiros e toda a classe guerreira do Japão. De todos, a diferença ficava na qualidade.

O saquê artesanal é o melhor, de famílias tradicionais em seu preparo, além de terem um gosto muito aquém do colocado nas saquêrinhas do Brasil. Saiba mais e como tomar saquê.

Saquê -Nihonshu

O gosto pode variar do seco ao doce e existem muitos tipos. Por isso, dependendo do saquê, será possível experimentar uma diversidade de sabores que variam por região.

Saquê em temperatura ambiente
Saquê em temperatura ambiente

Por isso, cada tipo deve ter uma apresentação e deve ser apreciado em uma temperatura específica.

Saquê morno
Saquê morno

Por isso, em sua viagem recomendamos fazer um tour em cada região e se deliciar com os gostos e tipos variados oferecidos por cada local.

O saquê geralmente tem entre 15% a 20% de teor alcóolico e o processo é fermentar o arroz polido. Os mais refinados tem menos de 10%.

Existem três formas de saborear a bebida, morno, frio ou em temperatura ambiente. Essa temperatura varia entre 5 a 55 graus.

O saquê morno é conhecido como okan. Ao aquecê-lo será possível saborear tons mais doces e macios.

A temperatura ambiente é caracterizado pelos aromas e sabores intensos, é conhecido como hiya. Já o saquê gelado (reishu) permite que a complexidade de todos os sabores surja na boca.

A classificação entre especialista é parecida com as do vinho e sabores, aromas e aspecto são levados em consideração.

Por isso, existem saquês com diferentes preços e qualidades. Quanto mais pura a água, melhor o resultado e mais refinado.

É conhecido como nihonshu ou seishu no Japão. No país, a palavra saquê é usada para denominar qualquer bebida alcóolica.

Faça um tour do saquê

Tóquio é cheia de artesãos históricos e ikazayas com uma variedade incrível de tipos engarrafados.

Existem até locais que oferecem um tour de saquê com mais de 100 tipos a disposição por um único preço a partir de 3,000 ienes que podem chegar até 12,000 ienes.

Leia também

Aprenda a fazer seis drinks com saquê muito fáceis

Curiosidades interessantes sobre o saquê

5 locais para tomar vinho no Japão sem gastar muito

Monte Fuji é outro local recomendado pelas fontes de águas puras oferecendo um saquê refinado.

Kyoto é outro local histórico e Fushimi é a região mágica da bebida e poderá ver até o processo de produção. Assim como Osaka, Fukuoka, Nagano e Sendai tem ótimos produtores.

Inscreva-se em nossa newsletter e compartilhe!

Comentários

Receba GRÁTIS notícias do Japão
Copy link