JP Mobile: contratar número de telefone no Japão ficou mais fácil para estrangeiros

Contratar um número de telefone no Japão era uma das maiores dificuldades para um estrangeiro residente no Japão.

Isso porque a maioria das companhias de telefonias móveis japonesas normalmente não aceitavam o visto de residência como comprovante no Japão.

Além disso, praticamente todas as operadoras pedem uma conta bancária para a contratação dos serviços de telefonia no país. No demais, para abrir uma conta em um banco no Japão é preciso ter um número de telefone móvel.

E essas eram as grandes dificuldades para conseguir fazer as duas coisas (abrir uma conta e contratar um serviço de telefonia móvel).

Um novo serviço voltado para estrangeiros residentes facilita a vida de quem vai passar uma temporada no país e precisa contratar um plano de telefone no Japão.

JP Smart Call

Pessoa segurando um smartphone

Quem contrata um plano de telefonia móvel é obrigado a assinar um contrato de dois anos com a operadora escolhida.

Além de toda a burocracia para conseguir uma linha e do longo contrato, em caso de cancelamento, o cliente é obrigado a pagar um multa de rescisão contratual.

A companhia japonesa JP Mobile lançou recentemente seu novo serviço, o JP Smart Call. Eles aceitam o visto de residência para a contratação dos serviços de telefonia móvel e mais facilidades.

Como funciona

O novo serviço possui planos a partir 2.480 ienes (R$ 86,89) que incluem serviços de voz e internet mensais.

Como nem todos os estrangeiros ficam por longos períodos no Japão, os planos do JP Smart Call podem ser cancelados a qualquer momento sem taxas adicionais ou multa por rescisão de contrato.

O contratante pode solicitar seu SIM Card pela internet. Recebe gratuitamente o chip em seu endereço no Japão, sem a necessidade de usar cartões de crédito ou ter conta em banco no Japão.

Além disso, o primeiro mês de uso é gratuito. O cliente só passa a pagar a conta de seu plano a partir do segundo mês de uso.

Outro benefício para os estrangeiros residentes no Japão é que o serviço possui suporte técnico em inglês, chinês e vietnamita, além do japonês.

Leia também

Celular no Japão: motivos dos japoneses darem preferência ao iPhone 

Como usar os armários (guarda volume) das estações no Japão 

Transporte: vale a pena usar o aplicativo Uber em Tokyo? 

O país valoriza muito o número do telefone no Japão como comprovante para contratar serviços. Por exemplo, alugar um imóvel. Portanto, esse serviço pode ser bem útil.

Para saber mais, acesse o <site oficial JP Mobile> disponível apenas em inglês.

*Valores convertidos pelo aplicativo do Banco Central do Brasil em 22/04/2019.

Compartilhe! Clique aqui e receba nosso conteúdo exclusivo pelo Facebook Messenger.

Comentários

Copy link