Walter White japonês: professor ensinava como fazer drogas

Um professor universitário japonês ensinou aos seus alunos como produzir droga sintética e ficou conhecido como Walter White japonês pela mídia internacional.

Breaking Bad

Poster de Breaking Bad

Breaking Bad é um drama americano premiado. O enredo gira em torno de um gênio da química e professor do ensino médio Whiter White (posteriormente conhecido como Heisenberg).

Após descobrir um câncer no pulmão, ele decide produzir metanfetamina para deixar uma boa quantia em dinheiro para sua família com ajuda de seu ex-aluno e traficante Jesse Pinkman.

Walter White japonês

No Japão, um professor de química de 61 anos da Escola de Ciências Farmacêuticas da Universidade de Matsuyama, Tatsunori Iwamura, decidiu ensinar alguns alunos a produzirem MDMA, o princípio ativo do ecstasy.

meta anfetamina

Depois de ser indiciado pelo promotor público em abril de 2019, o caso envolvendo Iwamura ficou conhecido como Breaking Bad do Japão.

A acusação

De acordo com a promotoria, entre os anos de 2011 a 2013, Iwamura orientou dois alunos a produzirem MDMA nas aulas em laboratório. Além disso, fez o mesmo entre 2016 e 2017 com outros dois alunos do curso.

Em depoimento a polícia, Tatsunori Iwamura confirmou as acusações e também afirmou ter consciência da gravidade de seus atos.

No total, onze alunos aprenderam como criar a droga com a orientação do professor. Acredita-se que Iwamura também tenha criado uma nova droga chamada 5F-QUPIC em 2018.

O professor universitário também não possuía nenhuma autorização que permitisse a produção de MDMA para pesquisas.

Leia também

Mistério no Japão: saiba quais são os crimes não solucionados mais famosos e intrigantes

Kazuo Taoka: Yakuza conhecido como urso foi o podersos chefão do Japão

Conspiração no Japão? Japan National Railways pode ter mudado política 

Evidências

Apesar de ensinar os alunos como fazer MDMA, depois que o composto sintético ficava pronto ele recolhia a droga. Embora tenha confessado o crime, não haviam evidências de MDMA em seu laboratório.

Porém, existiam vestígios de outras drogas. Como resultado, se Iwamura for condenado poderá enfrentar até 10 anos de reclusão.

Compartilhe! Clique aqui e receba nosso conteúdo exclusivo pelo Facebook Messenger.

Comentários

Copy link