Conheça 3 pilares da educação das crianças no Japão

As crianças no Japão são criadas desde cedo com auto-disciplina (hansei), empatia pelo próximo, respeito e responsabilidade.

Além disso, os pequenos aprendem desde cedo o valor da comunidade dentro da sociedade e são encorajadas a atingir seus objetivos sem nunca desistir. Confira três de alguns dos pilares da educação no país.

1. Hansei

mulher e criança agachada

A auto-disciplina é estimulada pela reflexão. As crianças são colocadas para dar uma pausa e refletir seus atos, reconhecer seus erros e buscar pelo aperfeiçoamento.

Esse tipo de reflexão costuma ser feito em grupo pelas empresas japonesas também. É um hábito que segue para a vida adulta.

Reconhecer os erros não é infligir culpa e ter que achar um responsável, mas sim pensar em uma forma para que ele não ocorra novamente.

O conceito é baseado na filosofia budista de melhoramento pela consciência plena dos atos.

Ele é feito para que haja um momento de introspecção para assumir a responsabilidade, reconhecer o problema, identificar a origem, entender o que foi feito e o que poderia ter sido feito com objetivo de não cometer os mesmos erros com comprometimento para melhorar.

2. Yareba dekiru

Criança indo para a escola feliz e seus pais ao fundo

Segundo a sociedade, todas as crianças são capazes de fazer alguma coisa. Portanto, ela é incentivada a sempre tentar, mesmo se não alcançar seus objetivos.

Yareba dekiru é uma frase de incentivo muito falado pelas mães. Pode ser interpretado como: se trabalhar duro, você conseguirá ou se esforçar muito, conseguirá etc.

Ela é um pilar importante, pois as crianças são incentivadas desde cedo a persistir e não desistir aumentando a resiliência e independência.

Leia também

Aniversários importantes na vida de um japonês

Amae: cultura da interdependência nos relacionamentos afetivos

Kodomo no Hi: tradições e alimentos para comemorar o dia das crianças no Japão

Merenda escolar japonesa: o que as crianças costumam comer?

3. Amae

Mãe e filho próximos

Já fizemos um artigo falando sobre amae aqui. Esse conceito segue o preceito de um amor submisso permissivo e intencional.

O ambiente familiar é um pilar importante da educação, pois a criança deve conviver em uma atmosfera saudável e se sentir protegida.

Outros pilares da educação japonesa inclui bondade, esforço e trabalho duro, empatia, consciência social, cooperação e harmonia.

Compartilhe! Clique aqui e receba nosso conteúdo exclusivo pelo Facebook Messenger.

Educação japonesa
Receba GRÁTIS notícias do Japão
Copy link