O assombrado túnel Kiyotaki, conheça essa lenda urbana japonesa

O túnel Kiyotaki foi construído em 1928, entretanto, até hoje ele assombra os japoneses. Acredita-se que ele é mal assombrado pelas almas daqueles que o construíram.

Isso porque, muitos trabalhadores foram submetidos a trabalho escravo, sofreram e acabaram morrendo por exaustão.

Conheça aqui um pouco mais sobre a história do túnel Kiyotaki e conheça relatos de quem já foi assombrado quando passou por ele.

A história do túnel Kiyotaki

O túnel foi construído no Japão entre os anos de 1927 e 1928 e era, originalmente, parte da ferrovia Atagoyama.

O túnel é de aproximadamente 500 metros. E sempre aumentam as histórias e relatos de pessoas que acabaram vendo alguma assombração que ronda por ali.

Como dito antes, acredita-se que essas assombrações se devem à história de construção do túnel que usou trabalho escravo, mesmo que este já tivesse sido abolido no Japão.

Por conta das péssimas condições de trabalho, muitos sucumbiram ou acabaram se acidentando. Outros tantos escravos foram executados por serem considerados como improdutivos.

Superstições do túnel Kiyotaki

Uma das superstições que fazem com que o túnel também seja considerado como assombrado, se deve ao rumor de que, na verdade, ele teria 444 metros de cumprimento.

Sendo que o número 4 na cultura japonesa é considerado como azarado, que pode até mesmo atrair a morte.

Outra superstição japonesa está no rumor de que as sinalizações de trânsito que estão no túnel mudam sem a menor constância, podendo levar uma pessoa a se acidentar quando está passando por ali.

Um fato que também aumenta o medo que os japoneses possuem desse túnel é o de ali ter se tornado um local em que muito vão para cometer suicídio.

Entre uma das pessoas que por ali se suicidaram, há um rumor de que uma mulher pulou de uma estrada que estava acima da estrada do túnel para se matar. Até hoje é possível ver o seu espírito rondando o local.


Leia também:


Outros relatos assustadores do túnel

Entre os relatos de quem teve coragem de entrar no túnel, muitos dizem que é possível escutar o grito de uma mulher que sai dos arredores da floresta que está ali perto.

Uma outra mulher, ou a mesma, é vista de branco correndo pelo túnel. Seria ela também quem pula nas calotas dos carros que passam por ali, fazendo com que sofram acidentes.

Outro fato que dizem ser constatado é que o túnel muda de cumprimento quando se faz uma viagem de volta por ele.

Assim, os japoneses são instruídos a não passarem pelo local durante a noite. Pois essas atividades não costumam a acontecer de dia. Portanto, caso vá passar por essa região durante a noite, o mais recomendado é que encontre uma rota alternativa no lugar de correr algum risco.

Vale ressaltar, que nada disso também foi constatado com algum tipo de pesquisa científica, entretanto, muitos japoneses evitam o túnel a qualquer custo.

 

Receba GRÁTIS notícias do Japão
Copy link