O fenômeno da morte solitária no Japão: kodokushi

Um dos fenômenos mais terríveis que acontecem no Japão é o kodukoshi. Sua tradução literal pode ser compreendida como a morte solitária.

Ou seja, as pessoas acabam morrendo sozinhas em suas casas sem que ninguém nem ao menos tomem conhecimento. Normalmente, os corpos só são descobertos quando já estão em fase de degradação.

Assim, conheça um pouco mais sobre esse problema e quais são algumas das questões sociais que ele pode suscitar para a sociedade japonesa.

Kodokushi, um problema social?

Sim, podemos dizer que o kodokushi  é um problema social. Afinal de contas, ele não envolve somente o fato de uma pessoa estar sozinha no final de sua vida, mas também se deve ao fato de muitas vezes essas pessoas serem idosas.

Sendo assim, esses idosos acabam morando sozinhos, muitas vezes estão abandonados pela família e acabam morrendo até mesmo de sede ou de fome.

Em outras situações, um idoso pode ter uma queda e acabar morrendo por conta disso sem que ninguém lhe tenha prestado socorro.

Portanto, trata-se de um problema social que envolve muita dor e revela um certo abandono de alguns japoneses de seus parentes mais idosos.

Como vivem essas pessoas antes de morrerem?

Entretanto, vale ressaltar que esse tipo de morte não está restrita somente aos idosos. Jovens também podem passar por esse processo por acabarem ficando em casa e terem algum tipo de problemas que o leve a morte.

Assim, sem ter ninguém para socorrer e levar ao hospital, eles também podem ter uma morte solitária e o corpo ser descoberto somente dias, semanas ou meses depois.

Portanto, o único traço que podemos afirmar com certeza de como essas pessoas vivem, é de que elas levam uma vida extremamente sozinhas. Muitas vezes suas casas também são bem sujas, já que acabam ou não tendo forças ou abrindo mão de fazer uma devida faxina.

Você pode estar se perguntando, mas como essas pessoas vivem sem trabalhar? Muitas delas recebem algum tipo de auxílio do governo e, muitas vezes, até mesmo a família pode dar alguma ajuda financeira ou visitar a família algumas vezes.

Sendo assim, o governo japonês precisa lidar com essa situação para que cada vez menos pessoas acabem diante dessa situação.


Leia também:


A limpeza dos locais em que faleceram os kodokushi

Além de revelar um problema social em relação aos idosos, é preciso lembrar que os locais onde os kodokushi moravam quando estavam vivos precisa ser limpo.

Normalmente esses lugares estão cheios de lixo, além de ter de se fazer a limpeza de onde o corpo poderia já estar em decomposição.

Assim, essa não é uma tarefa muito fácil para as pessoas que o governo envia. Eles precisam ter uma ótima proteção para que não acabem contraindo algum tipo de doença e também ter sangue frio para lidar com toda a história que se passou em determinado local.

Receba GRÁTIS notícias do Japão
Copy link