A lendária paixão dos japoneses por tênis: as loucuras que eles são capazes de fazer por um par

A paixão dos japoneses por tênis é uma grande característica de como eles consomem.

Sempre uma grande marca, como a Nike, por exemplo, lança um tênis de edição limitada, você facilmente verá filas enormes nas lojas para conseguir um par.

Algumas pessoas até mesmo contratam quem mora na rua para ficar na fila por eles e manter um lugar na hora da compra.

Conheça aqui um pouco mais sobre como é esse costume japonês e veja como ele movimenta o mercado.

A paixão dos japoneses por tênis

Tóquio é a cidade em que os japoneses mais se dirigem para comprar tênis.

Em muitas lojas, antes mesmo de abrir, se for um dia de lançamento, é possível ver uma fila se formando. As pessoas viajam de várias regiões para chegar até a capital para comprar um par de tênis.

A paixão dos japoneses por tênis pode ser explicada por vários motivos, mas um deles é a necessidade de ter um item especial, que seja diferente ou mais raro de ser encontrado.

Assim, as marcas  também aproveitam-se dessa necessidade do mercado e sempre tentar lançar um produto que seja ao mesmo tempo bom, como também diferente.

São muitos os colecionadores de tênis que estão espalhados pelo país e sempre que tiver um lançamento, pode ter certeza que eles serão os primeiros da fila em busca da novidade.

E não pense que os japoneses comprar os tênis porque para eles o valor é barato. Normalmente, os pares de tênis são caros, mas eles se organizam financeiramente para conseguir comprar e assim guardar em suas coleções ou usar no dia a dia.


Leia também;


Tênis, muito mais que um simples calçado

Uma coisa é fato na cultura de consumo do Japão: eles apreciam qualquer item que possa ser exclusivo. Assim, diante de tantas possibilidades do que comprar, se uma marca oferecer algo que possa se destacar, o produtor será bem-vindo.

Portanto, é por conta disso que os tênis não são somente um calçado. Mas são uma maneira de mostrar uma certa identidade e exclusividade daquele que anda com ele.

É por conta disso que até mesmo os produtos alimentícios que são exclusivos também são concorridos pelos japoneses. Afinal de contas, é algo diferente que eles podem comer em determinado momento.

Um dos eventos que tornaram o tênis um objeto de desejo para os japoneses foi o fenômeno de Michael Jordan, o jogador de basquete.

Naquela época, na década de 1990, a Nike investiu em um tênis que seria exclusivo do jogador, mas poderia ser adquirido por qualquer pessoa.

Com um visual arrojado e uma identidade, muitos japoneses foram atraídos por ele e passaram a fazer suas coleções de tênis.

A partir daí, cada vez mais cresce essa demanda no Japão por tênis que sejam diferentes e que tem uma identidade própria que fará daquele que o detém se destacar em meio a tantos objetos iguais.

Comentários

Receba GRÁTIS notícias do Japão
Copy link