Comidas servidas na esteira?! Depois do sushi, agora é a vez do tradicional prato japonês shabu-shabu

Uma das experiências que qualquer um que vai ao Japão e gostaria de conhecer são os restaurantes de esteira, agora, há mais opções, não somente o sushi, como também o shabu-shabu.

Os japoneses muitas vezes acabam comendo sozinhos em restaurantes porque estão no horário de almoço do expediente. Dessa maneira, comer no balcão é sempre uma opção para eles. Foi por conta disso que os restaurantes de sushi começaram a fazer tanto sucesso ao servirem em uma esteira.

Com a pandemia do coronavírus e a necessidade das pessoas terem uma maior distanciamento, servir comida em esteira acabou se tornando uma ótima saída.

Dessa maneira, outros pratos estão começando a ser servidos com as esteiras. Agora é a vez do shabu-shabu. Conheça aqui como tem funcionado esse tipo de restaurante.

Shabu-shabu na esteira

shabu-shabu é um dos pratos mais tradicionais do Japão. Por mais que não seja tão famoso mundialmente como o sushi, esse prato é um dos mais amados pelos japoneses. Ele consiste em um cozido de carnes, verduras e outros ingredientes.

Entre as opções mais tradicionais para se por nesse cozido estão as carnes, que podem ser de porco, de boi, de frango e até mesmo camarão, além de outras opções menos tradicionais.

No campo das verduras, é possível por cebolete, moyashi (broto de feijão), acelga entre outros. Também é possível colocar cogumelos, sendo que os mais corriqueiros e favoritos dos japoneses são shimeji e shitake.

Outra opção ainda é adicionar ingredientes muito apreciados no Japão, como o Udon e o kamaboku.

Assim que tiver os ingredientes, a pessoa deve colocá-los no caldo. Esse caldo é feito com muita calma e pode até mesmo levar dias para ser feito. Todo o tempero e segredo está nele.

Normalmente o caldo leva várias carnes e por isso ganha um sabor completamente especial. Além disso, há um molho de gergelim que também acompanha para que após ter cozido os ingredientes a pessoa possa aumentar ainda mais o tempero se quiser.

Assim, quando o shabu-shabu é servido na esteira, esse ingredientes passam pela pessoa. Ela escolhe o que quer e faz o cozimento rapidamente.


Leia também:


Vantagens do shabu-shabu na esteira

Uma das melhores coisas em deliciar esse prato em um restaurante como esse é a possibilidade de experimentar outros ingredientes. É até mesmo possível cozinhar um pedaço de lombo de pato. Ou, se preferir, também há a carne de língua bovina.

Enfim, são inúmeras possibilidades que se abrem para experimentar novos sabores. O melhor é que o restaurante pode disponibilizar somente o que estiver mais fresco e na estação, podendo sempre ter uma variedade de cardápio.

Além disso, o cliente também pode comprar outros alimentos para compor o seu shabu-shabu, como uma porção de arroz ou de conservas.

Para aqueles que comem muito, também há a possibilidade de rodízio, em que é possível comer o quanto puder durante 90 minutos.

Receba GRÁTIS notícias do Japão
Copy link