Como se tornar um cidadão japonês

Algumas pessoas amam tanto o Japão que decidem se tornar permanentemente parte dessa sociedade, tornando-se um cidadão japonês. Por quê? Pode existir uma variedade de razões.

Conheça aqui um exemplo de quem se tornou um cidadão japonês e como você pode dar os primeiros passos para se tornar um e onde pode conseguir informações confiáveis desse processo.

Um exemplo de um cidadão japonês

Como um exemplo, podemos destacar o Donald Keene. Ele sabe praticamente tudo o que você precisa saber sobre o Japão, depois de estudar e morar no país por décadas. Keene até recebeu honras do próprio imperador. E aos 88 anos, Keene abandonou seus Estados Unidos natal e se reinstalar no Japão para o resto de sua vida como cidadão japonês.

Obviamente, tornar-se um cidadão japonês não é algo para se tomar de ânimo leve. A cidadania é um compromisso incrível e, no caso de se tornar um cidadão japonês, você tem que fazer muito mais do que países como os Estados Unidos ou como no Brasil. Não apenas você deve adotar um nome japonês, mas também renunciar à sua cidadania de seu país de origem.

Assim, é fundamental ter compromisso. Agora, vamos a alguns dos passos que precisam ser tomados.


Leia também


Alguns passos para se tornar um cidadão japonês

Antes de tentar se tonar ser um cidadão japonês, é preciso cumprir alguns pré-requisitos.

Dessa maneira, é preciso:

  • Ter 20 anos ou mais.
  • Ser capaz.
  • Não ter nenhum antecedente criminal.
  • Ter estabilidade financeira.
  • Estar disposto a abdicar de sua cidadania atual.
  • Ser filho de japoneses.

Assim, seguindo esses princípios, é possível tentar a cidadania.

Caso contrário, será preciso morar no Japão (por mais de 5 anos) para conseguir essa cidadania e ainda se destacar na sociedade, como que aconteceu com o Donald Keene. Soma-se a isso, que ainda é necessário ter completa compreensão do idioma.

E, no caso daqueles que são filhos de japoneses, os pais precisam avisar a prefeitura sobre o nascimento do filho – ou no consulado – antes da criança fazer três meses de vida. Depois disso, a burocracia será maior. Dessa maneira, os pais vão precisar entrar com um pedido para o Ministério da Justiça do Japão.

Se você quiser saber mais sobre como pode se tonar um cidadão japonês, não deixe de conferir o site Turning Japanese em que há uma série de informações em inglês.

Além disso, também já publicamos um artigo detalhado sobre como conseguir a naturalização. Clique aqui para ler.

Vale a pena se tornar um cidadão japonês?

Para aqueles que amam o país, vale sim muito a pena.

Além disso, é uma oportunidade para conseguir o passaporte japonês e conseguir entrar em alguns países sem a necessidade do visto, como nos EUA. Porém, é importante frisar, que será necessário abdicar a outra cidadania e os direitos que vêm com ela.

Entretanto, é preciso saber que a burocracia é imensa para finalmente conseguir.

Receba GRÁTIS notícias do Japão
Copy link