Studio Ghibli lança novo filme dirigido por Goro Miyazaki, filho de Hayao Miyazaki

O Studio Ghibli sempre surpreende os seus fãs. Agora o filho de Hayao Miyazaki, Goro Miyazaki, que também é diretor e paisagista no estúdios, explora o mundo das crianças em seu novo filme não convencional, nos convidando a “ver o mundo delas, o que elas querem ser e como podem fazer isso acontecer”.

O último longa-metragem de animação de Ghibli, Aya to Majo, foi lançado nos cinemas do Japão em 27 de agosto. Agora acabou de ser lançados nos Estados Unidos com a tradução de Earwig and the Witch. Mas, ainda permanece sem data de lançamento no Brasil.

Saiba mais aqui sobre o filme. Mas, um alerta antes de mais nada: pode conter spoilers!

O novo filme do Studio Ghibli

Ao contrário de seus vários filmes de anime anteriores de sucesso, como Meu Vizinho Totoro (1988) e Spirited Away (2001), com esta nova produtora de filmes, o Studio Ghibli está embarcando em uma maneira completamente nova de contar a história.

Aya to Majo foi criado usando computação gráfica 3D pela primeira vez. O Sankei Shimbun e o JAPAN Forward conversaram com o diretor do filme, Goro Miyazaki (54), para saber mais. Veja aqui algumas partes dessa conversa e o que podemos saber sobre a história e como o filme foi feito.

Na história, Aya (Earwig na versão em inglês), uma menina de 10 anos, é adotada por uma bruxa e forçada a fazer trabalhos domésticos. Inicialmente, ela não gostou da ideia porque havia sido prometido que ela aprenderia magia, e ela não vê nenhum sinal disso. Nesse ponto, Aya se rebela ー e revida.

“Aya é uma boa criança”, diz Goro Miyazaki, rindo. “Mas ela não é uma heroína típica de Ghibli.”

A história é vagamente baseada em um romance de Diana Wynne Jones, uma escritora inglesa que também escreveu a história de O Castelo Andante (2004), outro filme premido da Ghibli.

Mas, ao contrário do anime anterior, esta história começa e termina com uma cena na casa da bruxa. Obviamente que não vamos dar maiores informações para não estragar o filme para aqueles que odeiam spoiler. Afinal de contas, já demos alguns aqui.

Como Goro Miyazaki explicou: “Achei que seria mais interessante criar algo focalizando os personagens em vez de depender do enredo, como nos primeiros filmes de anime.”

Observando que este trabalho traz à mente alguns filmes de anime originais, exceto que usa a mais recente tecnologia de animação 3D, Miyazaki acrescentou: “Achei que poderíamos ter uma chance de sucesso lá.”


Leia também


O trailer do novo filme do Studio Ghibli

Agora, para matar um pouco da curiosidade, não deixe de ver algumas cenas desse novo filme. Infelizmente, as legendas estão em inglês, mas já dá para entrar no clima dessa mais nova obra de arte japonesa.

Gostou do trailer? Não deixe de comentar e avisar a todos assim que souber da data de lançamento oficial do filme no Brasil!

Receba GRÁTIS notícias do Japão
Copy link