Matcha do Japão ajuda o sono e melhora quadro de Alzheimer, aponta estudo

O Matcha do Japão é consumido por muitas pessoas no dia a dia.

banner-loja

Tradicionalmente consumido no leste da Ásia, ele é uma planta de chá verde em pó. Seu sucesso mundial deve-se ao seu sabor rico e único. Ao mesmo tempo, é esse rico sabor que faz com que muitas pessoas não queiram nem mesmo chegar perto dele. Entretanto,  as pesquisas mais recentes podem incentivar mais pessoas a experimentá-lo por seus benefícios à saúde.

Destacamos que essa se trata de uma pesquisa inicial. Portanto, tenha cuidado no consumo excessivo de matcha pois ele pode trazer riscos a saúde.

Matcha do Japão é bom para a saúde

A produtora de chá Itoen e a MCBI, uma empresa de pesquisa médica estabelecida pela Universidade de Tsukuba, anunciaram recentemente os resultados de um ensaio clínico investigando os efeitos de uma ingestão diária sustentada de matcha. Esse ensaio foi realizada no intervalo de um ano.

Inicialmente foi selecionado um grupo de 939 homens e mulheres entre 60 e 85 anos. Desses, 99 foram diagnosticados com comprometimento cognitivo leve (MCI) ou declínio cognitivo subjetivo (SCD). Assim, esses 99 participaram de um estudo de um ano no qual o grupo-alvo consumiu matcha todos os dias por 12 meses, enquanto o grupo de controle recebeu placebos.

Os participantes foram submetidos a avaliações da função cognitiva e da qualidade do sono, bem como a vários exames de sangue e neuroimagem, no início e no final do estudo, que os pesquisadores descrevem como um estudo comparativo randomizado duplo-cego controlado por placebo.

No final do ano, o grupo matcha, comparado ao grupo placebo, apresentou “uma melhora significativa na cognição social avaliada com um teste de reconhecimento de expressão facial, especificamente, a precisão de sua percepção de emoções com base na expressão facial”.

Além disso, o grupo matcha apresentou melhora na qualidade do sono. Isso foi determinado usando o Índice de Qualidade do Sono de Pittsburgh, um protocolo de questionário de autorrelato no qual uma pontuação numérica mais baixa é indicativa de um sono melhor.

As pesquisas sobra o matcha e as demências ainda precisam ser aprofundadas, entretanto, o grupo alega que para o sono ele é indicado.


Leia também:


Como consumir matcha do Japão

Nessa pesquisa, o que chama a atenção é como o matcha foi consumido.

A cada dia, o grupo matcha consumia dois gramas de matcha, que é a quantidade média encontrada em uma xícara de chá verde matcha. No entanto, o matcha foi administrado em forma de cápsula. Isso implicaria que as melhorias que o grupo matcha experimentou não foram os resultados do tempo extra gasto relaxando ou em auto-reflexão silenciosa enquanto bebia uma xícara de chá, mas eram do próprio matcha, o que por sua vez sugere que talvez os mesmos benefícios pode ser experimentado comendo doces matcha.

Entretanto, para você ter os benefícios do matcha não é preciso consumí-lo assim, pode ser em chá e indicamos que seja acompanhado de um momento para relaxar.

Outra opção que tem feito bastante sucesso no Japão e pelo mundo é o uso do matcha para doces. Nesse caso, ele traz um amargor que pode deixar seu doce com um sabor incrível.

Fonte: Sora News e Yahoo.JP.

Receba GRÁTIS notícias do Japão