Apartamentos sem banheiros no Japão são sucesso entre jovens! Mas onde eles tomam banho?!

Os apartamentos sem banheiros no Japão estão se popularizando cada vez mais, ainda mais em Tóquio – a capital do país onde o valor do aluguel pode atingir valores absurdos.

banner-loja

Mas, a grande questão que fica diante desse crescimento desse tipo de moradia é: onde os japoneses que vivem nesses lugares vão tomar banho? Onde eles podem fazer as suas necessidades?

Conheça aqui mais sobre esse tipo de moradia e como é viver em um espaço como esse. Será que a economia é tão boa assim para valer a pena abrir mão de um banheiro?

Os apartamentos sem banheiros no Japão são a nova tendência

Ao procurar um apartamento no Japão, você pode economizar muito dinheiro no aluguel se houver alguma comodidade que você esteja disposto a dispensar. Escolher uma unidade acima no primeiro andar de um prédio, ou um prédio sem elevador, ou um apartamento com apenas um banheiro básico, não um dos modelos sofisticados de lavatórios do Japão, pode facilmente significar uma economia 10.000 (aproximadamente R$ 400,00) ienes ou mais em suas despesas mensais com moradia.

Mas de acordo com as notícias da TV Asahi do Japão, alguns jovens japoneses estão indo ainda mais longe do que isso e procurando apartamentos sem banheira ou chuveiro.

O apelo financeiro é significativo. A TV Asahi conversou com um jovem em Tóquio na casa de seus 20 e poucos anos que vive em um estúdio sem banheiro perto da estação Nerima, a apenas 10 minutos de trem do centro de Tóquio, pagando apenas 32.000 ienes (aproximadamente R$ 1280,00) por mês. Outro morador de apartamento sem banheiro está a uma curta distância da Estação Tabata na Linha Yamanote, a linha circular que circunda o centro de Tóquio, cujo aluguel é quase tão barato, de 33.000 ienes por mês.


Leia também:


Como alguém viver nos apartamentos sem banheiros no Japão

Um apartamento sem banheiro pode parecer que o excluiria de todos, exceto dos locais de trabalho e círculos sociais que mais aceitam odores, mas na verdade não é um obstáculo tão grande no Japão quanto seria em muitos outros países. 

Isso porque ainda é possível encontrar sento, ou casas de banho públicas , nas cidades japonesas. Eles não são tão comuns quanto costumavam ser, mas em uma cidade com tantas pessoas como Tóquio, os sento não desapareceram completamente. Existe até um site, Tokyo Sento Fudosan. Ele é especializado em ajudar os locatários a encontrar apartamentos sem banheiro que estejam a uma curta distância de um banho público .

De acordo com o Tokyo Sento Fudosan, não são necessariamente as dificuldades econômicas que estão fazendo com que as pessoas procurem esses apartamentos de baixo custo e poucos enfeites.

Mas, por mais que seja surpreendente, há um apelo à atmosfera retrô. Apartamentos sem banheiro eram muito mais comuns duas ou três gerações atrás, e algumas pessoas veem a velha prática de juntar uma trouxa com seu sabonete, xampu, toalha e uma muda de roupa e depois caminhar até o sento para tomar banho como forma de ritual relaxante e ritmo de vida.

Fonte: Sora News

Receba GRÁTIS notícias do Japão