Panela de arroz japonesa: sua história, recursos e o que esperar no futuro

A panela de arroz japonesa, certamente, é um dos itens indispensáveis em uma cozinha no Japão.

Além de muito prática, ela não faz muita sujeira e se encaixou muito bem na rotina corrida dos japoneses. Sendo assim, essa panela cada vez mais tem ganho adeptos por todo o mundo.

Mas, você já parou para pensar como os japoneses inventaram essa panela? E quais seriam os próximos passos para essa incrível invenção? Quais são as melhorias que podem ser realizadas nela para que seja ainda mais prática?

A história da panela de arroz japonesa

As panelas elétricas de arroz no Japão só apareceram depois da II Guerra Mundial. Até então, era preciso cozinhar o arroz no fogo. Assim, as pessoas usavam o chamado kamado, que eram fogões enormes e que aguentavam panelas imensas.

Assim, com o final da guerra e a reconstrução do país, a Sony começou a desenvolver o projeto de panela elétrica de arroz. Ou seja, tentava aliar tecnologia com o alimento mais consumido no país, o arroz. Apesar dos fracassos, já na década de 1950, as primeiras panelas elétricas chegaram ao mercado.

A partir daí, iniciou-se também uma busca por inovações para que cada marca fizesse a melhor panela possível.

Com o tempo elas foram evoluindo. Por exemplo, as primeiras panelas de arroz não conseguiam manter o arroz quente depois de um tempo. Essa foi um dos ajustes mais importantes para essas panelas.


Leia também:


A batalha das panelas de arroz

Assim, as marcas cada vez mais entraram em uma verdadeira batalha para o desenvolvimento das panelas elétricas.

Hoje em dia há uma vasta gama de panelas e com diferentes funções. Portanto, para comprar a melhor, é fundamental que uma família saiba exatamente o que precisa.

Por exemplo, não há motivo para comprar uma panela muito grande sendo que a família não é enorme. É sempre preciso escolher o melhor modelo que se adeque às necessidades. E vale a pena fazer uma boa pesquisa, como quando se compra qualquer eletrodoméstico para uma casa.

A evolução da panela de arroz japonesa

Dessa maneira, espera-se que cada vez mais as panelas elétricas continuem avançando. Assim, elas tendem a fazer o arroz cada vez mais rápido sem ter o sabor alterado.

Além disso, hoje em dia elas são usadas até mesmo para fazer outras comidas, já que são extremamente práticas e fáceis de serem limpas.

Com o tempo, essas panelas passarão a compreender ainda mais as preferências dos seus donos para que sempre proporcionem um arroz que eles mais gostam. Isso tem tudo para acontecer, ainda mais com a utilização da inteligência artificial em diversos âmbitos de nossas vidas, principalmente nos eletrodomésticos.

Sendo assim, espera-se que com o futuro, as panelas elétricas possuam ainda mais configurações. Podendo fazer diversos tipos de arroz, bem como outros ingredientes.

Receba GRÁTIS notícias do Japão
Copy link