Uniformes escolares japoneses poderão ser comprados na Uniqlo e serão mais confortáveis e fashion

O uniformes escolares japoneses são um símbolo do país. Entretanto, eles não acompanharam as mudanças no mundo e até mesmo dos jovens. Por conta disso, muitos estudantes acham que os uniformes são atrasados, desconfortáveis e fora de moda.

Dessa maneira, algumas escolas estão dispostas a repensar seus uniformes. E, o melhor de tudo, é que essa transformação, aparentemente, será bem interessante. Ela será feita em parceria com a Uniqlo em alguns locais.

Veja aqui mais sobre o assunto.

Uniformes escolares japoneses e a Uniqlo

A mudança resolveria muitos problemas relacionados ao uniforme escolar, mas nem todo mundo acha que é uma ótima ideia.

Entre as coisas que os funcionários da Escola Secundária Omiya Kita da cidade de Saitama discutiram com os pais em sua última sessão de orientação estava a política de uniformes da escola. Isso é bastante normal para o Japão, já que os pais querem saber o que seus filhos terão que vestir e onde podem comprar.

E para o ano letivo de 2022, eles podem comprar seus uniformes na Uniqlo.

Por mais icônicos que sejam, os uniformes escolares japoneses têm algumas desvantagens sérias, e a maior delas é o quanto custam.

Em termos de preço, comprar um uniforme escolar de adolescente é semelhante a comprar um terno de negócios, e até agora os pais de alunos de Omiya Kita têm reduzido cerca de 40.000 a 60.000 ienes (ou seja, pode passar com facilidade de R$1.000,00) pelos uniformes de seus filhos, que consiste em uma jaqueta preta gakuran e calças para os meninos e um blazer e saia para as meninas.


Leia também


As vantagens dos uniformes escolas japoneses comprados na Uniqlo

Embora a Uniqlo seja mais conhecida por sua moda casual, eles também vendem itens mais elegantes, como blazers e camisas sociais, que ainda têm preços acessíveis. Os conjuntos que Omiya Kita está considerando permitiriam que os alunos montassem um uniforme por cerca de 10.000 ienes, um prejuízo muito menor para a carteira do que os uniformes atuais.

Outra vantagem potencial: os atuais uniformes 100% de lã precisam ser lavados a seco, e o tempo e as despesas envolvidos significam que os uniformes podem passar semanas, ou até meses, sem serem limpos. Tecidos mais leves da Uniqlo e mais fáceis de usar na máquina de lavar, e provavelmente também muito mais confortáveis ​​de usar durante um verão quente e úmido no Japão.

Omiya Kita está até cogitando a ideia de mente aberta de dar aos alunos alguma margem de manobra nas cores exatas que eles escolhem para seus componentes do uniforme no dia-a-dia.

Omiya Kita diz que deixará a decisão final de mudar ou não para os uniformes Uniqlo aos pais e alunos, mas se essa decisão for tomada, os novos trajes se tornariam o código de vestimenta a partir do novo ano letivo em abril de 2022.

Fonte: Sora News.

Receba GRÁTIS notícias do Japão
Copy link