Brincos no Japão: por que eles são raros? São proibidos?

Os brincos no Japão não são algo tão comum como em outros países.

Por exemplo, nos países da América Latina é muito comum uma menina ter suas orelhas furadas logo ao nascer. E, quando os meninos ficam mias velhos, também é comum que else optem por furar uma das orelhas ou até mesmo as duas.

Entretanto, se mostrassemos uma foto de uma recém-nascida para um japonês, certamente ele levaria um susto e até mesmo poderia achar que isso se trata de maus tratos.

Assim, veja aqui porque os japoneses possuem uma cultura mais temerosa em relação aos brincos e como eles os utilizam.

Os brincos no Japão durante a infância

Um dos fatos que fazem com que as crianças no Japão não queiram furar suas orelhas é ma simples proibição muito comum nas escolas. Assim, no ensino médio é proibido usar esse tipo de acessórios bem como joias. Isso se deve a um tipo de pensamento em que não se deve danificar seu corpo dado por seus pais.

Assim, dificilmente você verá uma criança japonesa com um acessório como um brinco.

Os brincos no Japão durante a vida adulta

Obviamente que, com a globalização, os japoneses veem muitas pessoas usando brinco pelas ruas, principalmente os estrangeiros. Além disso, um brinco é um dos acessórios de moda que, mais do que ser somente uma joia, pode compor todo o visual de uma pessoa.

Dessa maneira, cada vez mais aumenta o números de adultos que resolvem furar as suas orelhas no Japão.

Mas, é importante deixar claro que eles não são a maiora. Além disso, os brincos podem trazer alguns desconfortos para algumas pessoas que não estão acostumadas a eles.

Por exemplo, se as mulheres japonesas estiverem com brincos de argolas, podem se sentir incomodadas em pegar os trens lotados, ou até mesmo poedm não saber lidar com eles caso uma criança os puxe.

Vale resssaltar ainda que os brincos maiores não são bem vistos em uma situação de trabalho. Logo, da mesma maneira que não é indicado usar roupas exuberantes na empresa, também não se indica que se utilize grandes brincos. Isso pode causar um certo estranhamento entre os japoneses.


Leia também


E os piercings no Japão?

Assim como os brincos, os piercings são frequentemente proibidos nas escolas. Considerando que a maioria das escolas no Japão tem todos os tipos de outras restrições de aparência (uniformes e afins), isso não deve ser completamente inesperado. E no local de trabalho, os piercings são muitas vezes vistos como pouco profissionais.

Entretanto, as áreas urbanas geralmente aceitam mais piercings do que as áreas rurais. Mas, é provável que ninguém pisque o olho no seu piercing no lábio em Harajuku (bairro badalado de Tóquio, mas nas ruas, você corre o risco de velhinhas lançarem olhares de desaprovação em sua direção.

 

Receba GRÁTIS notícias do Japão
Copy link