Kyoto se cansou de turistas mal-educados! E fez desenho fofo para mostrar como é visitar educadamente

Ser um turista no Japão significa ter atenção redobrada para não ofender nenhum costume do país. Por exemplo, no Japão as pessoas não possuem o costume de gritar alguém pela rua. Se, por um acaso você se separar de seus companheiros de viagem e ter de gritar por eles, certamente receberá olhares de reprovação.

Este é apenas um exemplo, mas existem muitos outro que estão relacionados a visita de lugares sagrados e até mesmo de como agir para respeitar os mais velhos.

A cidade de Kyoto, uma das mais visitadas do Japão, resolveu dar um basta aos turistas mal-educados que não respeitam as suas tradições. Mas, no lugar de dar uma bronca, a cidade resolveu fazer uma orientação. E essa orientação não poderia acontecer de maneira mais fofa: com um desenho.

O turista no Japão e a falta de respeito com o país

Com milhares de templos, belos jardins, gueixas e maiko (gueixas em treinamento) e mais história do que você pode imaginar em uma enciclopédia, Kyoto é o lugar para estar ao visitar o Japão. Assim, com tantos turistas de todo o mundo lotando a cidade, alguns são obrigados a se comportar de uma maneira não tanto agradável aos olhares japoneses.

Felizmente, o TripAdvisor Japão criou um infográfico útil mostrando como visitar Kyoto educadamente. Os habitantes de Kyoto são compreensivelmente protetores de sua cidade e seus tesouros culturais e históricos, e alguns não hesitarão em corrigi-lo se você estiver fazendo algo rude ou errado. Então, para ter certeza de que todos estão na mesma página, aqui estão algumas regras simples a serem lembradas ao visitar esta cidade maravilhosa.

Muitas das regras estão simplesmente cobrindo o básico, como não fumar fora das áreas designadas, não trazer sua própria comida ou bebida para um restaurante e não tirar fotos muito perto dos trilhos do trem.

No entanto, pode haver alguns outros que o surpreendam. Cada regra tem uma classificação de “akimahen” (“akimahen” que significa “não faça!” no dialeto de Kyoto) que vai de um rosto desapontado a três rostos realmente zangados. Aqui vamos nós!


Leia também:


Turistas no Japão e como devem ser comportar

Assim, entre as reclamações podemos deduzir algumas, mesmo não sabendo inglês ou japonês. Não fumar ou jogar lixo no lixo é considerado uma cortesia comum em todo o mundo, mas com tantos marcos históricos e patrimônios mundiais da UNESCO ao redor, é especialmente importante manter o ar livre de Kyoto tão fresco e limpo quanto a mãe natureza o fez.

No que diz respeito à gorjeta, geralmente é desaprovada em todas as partes do Japão. Mas se você realmente quer que alguém em Kyoto saiba que você apreciou o serviço deles, um simples okini (pronunciado como e significando obrigado no dialeto de Kyoto) seria um gesto perfeitamente legal.

Além disso, como é possível ver, também tirar foto com uma gueixa sem ela deixar é algo extremamente deselegante! Assim como pisar com sapatos em um tatami ou levar a própria comida e bebida para um restaurante.

Fonte: Sora News.

Receba GRÁTIS notícias do Japão