Conheça o gomadoufu, o “tofu” de gergelim

Você já ouviu falar de gomadoufu?

Gomadoufu

 

Apesar de ter doufu no nome, o mesmo não é feito de soja (o motivo é que a forma e a consistência lembram o tofu).

O prato é feito com gergelim (胡麻 goma em japonês) e pó de raiz de kuzu.

O kuzu é uma planta da espécie Pueraria montana, nativa do Japão que já é utilizada como medicamento tradicional há 2.000 anos que ajuda na digestão, como calmante e para aliviar enxaquecas.

O gomadoufu é um dos pratos mais conhecidos do shōjin ryōri (comida de devoção), estilo de culinária vegana criado em templos budistas. Um local típico para comer este “tofu” de gergelim é na cidade de Tsuruoka (província de Yamagata), cidade famosa por esse estilo de culinária e que possui o título de Cidade Criativa da Gastronomia pela UNESCO desde 2014.

Exemplos de pratos da culinária shōjin ryōri


LEIA TAMBÉM


Como o tofu, o gomadoufu é normalmente servido com shoyu, wasabi ou gengibre ralado.

Para quem quer tentar fazer o prato em casa, é possível utilizar o tahine (pasta de gergelim) junto com o kuzu, encontrado em lojas de produtos naturais (uma outra opção é utilizar amido de batata invés do kuzu).

Tem algum prato japonês que gostaria de saber mais informações? Deixe nos comentários!

 

 

Receba GRÁTIS notícias do Japão
Copy link