Ashigaru: os guerreiros que acompanhavam os samurais e faziam o trabalho “sujo”

Ashigaru era uma categoria de guerreiros que existia no chamado Japão feudal. Entretanto, eles tinham uma formação semelhante a de um exército. Mas, eles não eram treinados e muitas vezes só tinham suas ferramentas de camponeses para levar na batalha.

Assim, eles costumavam a ganhar alguma coisa por meio de saques, já que nem mesmo salários eles possuíam. Em muitas vezes, estavam ao lado de samurais, mas não tinha o mesmo reconhecimento que este.

Dessa maneira, aprenda aqui um pouco mais sobre essa classe de soldados e como eles foram importantes para a história do Japão.

Quem eram os ashigaru?

Por definição, podemos compreender esses homens como camponeses que compunham o exército de um senhor. Além disso, eram numerosos. Já que, no Japão feudal, eram muitos os que passavam fome e precisavam buscar alguma forma de sustento.

Inicialmente, esses soldados acompanhavam os samurais que estavam em seus cavalos e com arco e flechas. Como se sabe, foi somente mais para o final do período feudal japonês que os samurais tornaram-se espadachins. Anteriormente, eram conhecimentos pela destreza com as flechas.

Assim, esses pobres camponeses normalmente estavam com ferramentas que usavam no dia a dia de trabalho ou armas de samurais mortos.

Dessa maneira, tendo em vista as possibilidades de ganhos, muitos homens começaram a ocupar essa função. Alguns deles apenas ficavam rondando as batalhas e nem mesmo sabiam para qual lado estavam lutando. Assim, a única coisa que importava era vencer para ter algum ganho com isso.

Por conta desses interesses, eram soldados indisciplinados e mercenários. E também devido a esse tipo de ação, logo eles ficaram conhecidos praticamente como criminosos. E os samurais apenas aguentava estar ao lado deles porque sabia que precisava dessa força para vencer uma batalha.


Leia também


Os samurais e a relação com o ashigaru

Portanto, já é possível imaginar que a relação entre esses dois não era das mais amistosas. Era mais uma relação de tolerar ao outro do que qualquer outra coisa.

Mas, uma das importâncias dos ashigaru está no próprio desenvolvimento das espadas de samurais. No contexto das guerras do feudalismo japonês, a presença desses soldados aumentou cada vez mais. Assim, sempre tinham várias armas que iam adquirindo ou faziam com o tempo, entre elas, a uchigatana.

E, foi dessa arma que derivou a famosa espada katana, utilizada pelos samurais. Antes era usada uma espada que não permitia tanta mobilidade e velocidade como estava sendo cada vez mais exigidos nas batalhas.

Outra arma que os dois tinham em comum eram as lanças. Essas foram usadas pelos samurais muito antes de terem as espadas.

Essa relação só se modificou quando chegaram as armas de fogo ao Japão. Elas foram rapidamente absorvidas pelos senhores que as davam aos seus ashigaru. Entretanto, os samurais não queriam utilizá-las, eles repudiavam a ideia de que um simples movimento de dedos pudesse acabar com um samurai altamente treinado.

Receba GRÁTIS notícias do Japão
Copy link