Pepino japonês: ingrediente barato e versátil que pode trazer o Japão para suas refeições

O pepino japonês pode ser facilmente encontrado nos mercados brasileiros. Entretanto, normalmente ele é visto como uma versão mais fina de um pepino e também como um acompanhamento para uma salada.

Muitas outras pessoas também acham que o pepino é somente algo para ser servido como uma entrada em restaurantes japoneses estilo rodízio. Em muitos casos ele é ofertado na modalidade em conserva.

Saiba aqui mais sobre o pepino japonês e como ele pode trazer um ar de Japão para as suas refeições e também se alimentar de maneira mais saudável como os japoneses.

Pepino japonês no dia a dia

Os japoneses consomem o pepino no dia a dia. Ele é um ótimo acompanhamento para uma boa porção de arroz e pode ser consumido de diversas maneiras. Por exemplo, cru ou mesmo como sunomono, que é a versão em conserva.

Mas não pense que em alguns pratos o pepino cortado de maneira diferente é apenas um enfeite, como nos obentos – marmita japonesa. Na verdade, ele também tem a função de limpar o paladar para que você possa apreciar todos os ingredientes de sua marmita.

Devido às suas propriedades de resfriamento e versatilidade, os pepinos japoneses são incluídos em quase todas as refeições. Isso explica por que os fazendeiros ou produtores no Japão se esforçam muito para produzir os melhores pepinos uniformes para os consumidores. Com a utilização da estufa, eles estão disponíveis durante todo o ano para serem desfrutados.

Curiosisidade do pepino japonês

Há uma cidade no Japão onde é estritamente proibido cultivar ou comer pepinos. Por que eles odeiam vegetais? E a regra deles é realmente válida ou eles estão todos em apuros por nada?

A cidade que odeia pepinos é Adose-cho, na província de Fukui. A razão pela qual os pepinos são tabu é porque Susano-no-Mikoto, a divindade do Santuário Yasaka de Fukui, aparentemente tem uma vingança contra o vegetal.


Leia também


Receita de pepino japonês com alga

O pepino é outro vegetal refrescante muito barato e disponível em todo o Japão. Além disso, consiste em 96% de água, o que significa que é perfeito para se manter hidratado durante os meses de verão. Nesta receita, o ponzu adiciona um sabor cítrico picante que é refrescante e delicioso.

Ingredientes 

  • 1/2 pepino
  • uma pequena quantidade de algas marinhas
  • 1 colher de sopa de ponzu (encontrado em mercearias de produtos orientais)

Como fazer

  1. Coloque as algas em uma tigela com água para reidratar por cinco a 10 minutos e escorra.
  2. Corte o pepino em rodelas finas.
  3. Misture bem todos os ingredientes e sirva.

A receita é muito simples. Porém, saiba que ela pode trazer muito sabor para a sua refeição do dia a dia. Além disso, você pode comer esse prato somente acompanhado de uma boa porção de arroz japonês sem qualquer outro tipo de tempero.

Com certeza, será uma refeição com origens japonesas e também muito saborosa.

Receba GRÁTIS notícias do Japão
Copy link