Wasanbon: o acúcar japonês de mais de 200 anos e da classe alta

A popularidade da cultura alimentar japonesa aumentou em todo o mundo durante os últimos anos e seus doces também estão ganhando mais atenção. Entre eles, está o wasanbon, uma espécie de açúcar muitas vezes apresentada em formas tradicionais e desenhos coloridos. Mas, além de sua estética, o que o torna diferente de outros açúcares?

Wasanbon, um açúcar de “classe alta”

Wasanbon é um tipo de açúcar tradicional japonês com mais de 200 anos de história. É produzido apenas nas prefeituras de Kagawa e Tokushima, e é considerado a “classe alta” do açúcar no Japão. Wasanbon é usado principalmente para fazer doces japoneses.

Um dos doces mais famosos é o  higashi, um doce japonês seco que é moldado em uma moldura de madeira. Geralmente é colorido e tem o formato de flores sazonais. É melhor consumido com  matcha  (chá verde em pó), que é muito amargo.

Por exemplo, um doce feito apenas de wasanbon, tem um sabor muito suave, derretendo-se na boca com uma doçura que se poderia chamar de sofisticada. Tem um sabor rico, mas não muito doce, o que o torna um pouco viciante.

Esses doces são tão sofisticados que uma caixa de presente típica de higashi como esta custa cerca de 2.500 ienes, cerca de R$150,00.

Leia também:


Como é o processo de fabricação especial do Wasanbon

O wasanbon é feito de cana-de-açúcar chinesa, por isso tem um sabor diferente: com mais umami em comparação com outros açúcares feitos com cana-de-açúcar comum. A sua fabricação segue um procedimento único chamado togi em japonês.

Durante o togi, os artesãos misturam a água com o açúcar preto e amassam manualmente. Depois de terminar o togi, elimina-se o suco açucarado com algum equipamento tradicional e repete todo o processo mais duas vezes. Com isso, as impurezas são eliminadas e o açúcar fica mais liso. Em vez de usar técnicas modernas de refino de açúcar, togi é feito apenas à mão, o que nem sempre é perfeito, mas cria um sabor puro e original a partir de ingredientes naturais.

Usos comuns de wasanbon na vida diária

O doce higashi japonês seco é vendido em muitas lojas de doces japoneses e é fácil de conseguir nas lojas de departamento japonesas. Não é preciso ser fã de chá verde para apreciá-lo: combina bem com café ou chá preto. também. No entanto, os açúcares higashi não devem ser dissolvidos como cubos de açúcar, mas mordidos como um pedaço de doce. Algumas pessoas até comem com conhaque!

Também é possível comprar wasanbon em pó, que você pode usar para assar ou cozinhar seus próprios pratos. Também é interessante notar que hoje em dia o esse açúcar já está sendo usado também por confeitarias de estilo ocidental.

Fonte: Kokoro Media.

Receba GRÁTIS notícias do Japão
Copy link